Buscar
  • Ricardo Welbert

Dupla é presa em Divinópolis por participar de quadrilha de estelionatários, diz PM

Parte do grupo criminoso se hospedou em um hotel no Centro; PF está no caso


Impressora, cartões e extratos de saques apreendidos (Foto: PM/Divulgação)

Uma jovem de 25 anos e um homem de 45 foram presos em Divinópolis por suspeita de envolvimento com uma quadrilha que aplicava golpes por meio do aplicativo "Caixa Tem". Segundo a Polícia Militar, eles foram abordados nesta quinta-feira (23) após uma denúncia.


1️⃣ Participe do grupo de notícias 1 da MAIS! no WhatsApp


No vídeo abaixo o tenente Nicolas Fonseca, da PM, detalha a ocorrência e diz que a denúncia recebida era de que uma quadrilha havia se hospedado em um hotel no Centro na noite de quarta-feira (22). Os militares foram ao endereço e abordaram um suspeito no saguão. Ele permitiu a entrada dos militares no quarto, onde foram achados dinheiro e CNHs falsas.



A jovem de 25 anos também foi abordada no local. Os militares a um terceiro quarto, onde o restante dos membros estariam hospedados. Mas, o local estava desocupado. Nesse outro quarto foram apreendidos notebooks, celulares, chips para celular, dinheiro, uma impressora e comprovantes de saque de FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) na Caixa Econômica Federal.


Suspeitos confessam


Os dois confessaram que estavam em Divinópolis para aplicar golpes por meio do aplicativo. No entanto, eles não informaram se houve vítimas na cidade.


2️⃣ Participe do grupo de notícias 2 da MAIS! no WhatsApp


Notebooks e celulares apreendidos (Foto: PM/Divulgação)

Os detidos foram conduzidos à delegacia da Polícia Federal, junto com todo o material encontrado. Os outros membros da quadrilha seguem foragidos. A PM afirmou que segue à procura deles.


Procurada pela imprensa, a Caixa ainda não se posicionou sobre o uso do app "Caixa Tem" para crimes.


Dinheiro e cartões apreendidos (Foto: PM/Divulgação)

0 visualização0 comentário