Buscar
  • Ricardo Welbert

G3 Resgate anuncia suspensão de atendimentos a Conceição e Onça

Atualizado: 5 de fev.


Ambulância fora de uso por pane de motor (Foto: G3/Divulgação)

O grupo de atendimento voluntário emergencial G3 Resgate, da cidade de Pitangui, anunciou no fim da tarde desta sexta-feira, 4, a suspensão dos atendimentos aos municípios de Conceição do Pará e Onça de Pitangui. De acordo com o coordenador operacional, Edson Souza, faltam investimentos de recursos por parte desses municípios à entidade. A reportagem da MAIS! fez contatos com as prefeituras citadas.


Participe do grupo de notícias da MAIS! no WhatsApp


“Estou paralisando a partir de hoje todo o atendimento a Conceição do Pará, porque eu estou agora com uma única ambulância rodando porque eu não tenho combustível nas minhas ambulâncias. Eu só estou com duas funcionando e duas quebradas. Uma vez que eu não tenho o apoio da Prefeitura de Conceição do Pará, vou parar o atendimento".

Ao se referir a Onça de Pitangui, Souza disse o mesmo.


“Vou parar o atendimento em Onça de Pitangui. Se o senhor prefeito quiser nos ajudar, será muito bem vindo a ajuda e vamos atender. Do contrário, podem acionar o Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência], porque os senhores pagam o convênio do Samu e eu sei que não é barato".

Edson Sousa durante apoio prestado pelo G3 em Pompéu (Foto: PMP/Divulgação)

O atendimento continua em Pitangui.


“Vou atender simplesmente a Pitangui, porque a prefeita Maria Lúcia [MDB] é quem está me ajudando, por enquanto. E agora o meu convênio com a Prefeitura está tendo um certa burocracia para liberar. Vamos tentar liberar a parte burocrática, para liberar o nosso convênio aqui em Pitangui”.

Conceição do Pará


Procurado pela reportagem, o prefeito de Conceição do Pará, José Cassimiro (MDB), disse já ter sido informado sobre a decisão.


“Esse negócio aí é um repasse da Câmara, que ficou de ser repassado ao Município e a gente fazer um convênio. Só que ainda está em andamento. Está no Jurídico para fazer esse convênio. Mas, tem um empresário aqui na cidade que dá eles R$ 1 mil todo mês e sempre que ele pediu gasolina aqui, nunca deixei de ajudar”.

O prefeito de Conceição do Pará afirma acreditar que haja má informação por parte do coordenador do G3. “Nunca deixei de ajudar. Nós vamos fazer o convênio. Porque é correria demais da conta. A Câmara vai devolver a gente o dinheiro, para a gente passar para eles”.


“Até porque o serviço deles é muito bom. Ele é muito prestativo. Não deixa de atender a gente. Mas, a gente aqui tem umas ambulâncias que ficam de plantão, 24 horas direto, noite e dia. E temos o Samu também, que a gente paga. Mas, o serviço dele não deixa de ser bom pra nós. O serviço é muito bom. Ele é muito prestativo e a gente vai, sim, fazer o convênio com ele”.

Onça de Pitangui


O prefeito de Onça de Pitangui, Gumercindo Pereira (PTB), ainda não respondeu ao contato. A reportagem será atualizada tão logo haja o retorno.

311 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo