Buscar
  • Ricardo Welbert

Minas Gerais enfrenta lotação de unidades de saúde por casos de H3N2

Minas Gerais tem registrado lotação em postos de saúde e em UPAs com sintomas de gripe. Segundo especialistas, esse aumento na procura por atendimento ocorre principalmente por parte de pacientes com sintomas respiratórios e casos crônicos agudizados.


Aplicação de vacina contra gripe (Fonte: Marcelo Camargo/EBC)

As infecções confirmadas pela Secretaria de Estado de Saúde são de 147, baseadas em amostras coletadas até quinta-feira (23), pela Fundação Ezequiel Dias. Nenhuma morte foi associada a estes casos. A detecção até o momento foi do subtipo H3N2 e nenhum outro subtipo de influenza foi identificado em 2021 no Estado.


Participe do grupo de notícias da MAIS! no WhatsApp

Alguns sintomas do H3N2 podem ser confundidos com uma gripe comum. Alguns pacientes relatam que tiveram reações piores quando contraíram a covid-19, como espirros, tosse, coriza, calafrio, cansaço excessivo, náuseas e vômitos, diarreia (mais frequente em crianças) e moleza.

O período de incubação do vírus é de três a cinco dias, quando começa a manifestação dos sintomas. Durante o período de incubação ou em casos de infecções assintomáticas, o paciente também pode transmitir a doença.


8 visualizações0 comentário