Buscar
  • Ricardo Welbert

Operação contra roubos a bancos no Centro-Oeste tem dois suspeitos mortos em confronto

Ação combate assaltos a agências do Sicoob; três alvos foram identificados


Promotor do Gaeco Leandro Willi e coronel Paulo Antônio durante coletiva em Divinópolis (Foto: Marcela Mesquita/G1)

Dois alvos da operação "756", que combate roubos a agências do banco Sicoob no Centro-Oeste de Minas, foram mortos durante confronto com policiais militares na manhã desta sexta-feira (29). Um comparsa deles foi identificado e segue foragido.


1️⃣ Participe do grupo de notícias 1 da MAIS! no WhatsApp

2️⃣ Participe do grupo de notícias 2 da MAIS! no WhatsApp


O trio é suspeito de participar de assaltos a agências bancárias da rede Sicoob em março, em Divinópolis e Perdigão. Durante coletiva de imprensa nesta sexta, a PM detalhou como foi a operação.


Banco sofre tentativa de assalto em Divinópolis

Seguem buscas por assaltantes que rendem funcionários de agência bancária em Perdigão


Segundo a PM, os crimes fizeram acender um sinal de alerta. O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) identificou suspeitos e chegou ao endereço deles e a saber onde frequentavam e como agiam. Conseguiram três alvos e em um dos endereços desses alvos foram encontrados dois suspeitos.



Ação


Ao perceber a presença dos militares, os dois suspeitos começaram a atirar.


"Para se defenderem foi necessário que os militares reagissem e os autores foram baleados. Foi prestado o devido socorro e os suspeitos foram encaminhados a um hospital, mas não resistiram. No local onde eles estavam foram recuperados dois veículos produto de roubo e material que foi retirado de vigilantes, como arma e coletes balísticos", afirmou a PM.

Operação '756'


A operação foi planejada e executada em parceria entre Ministério Público de Minas por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Divinópolis e PM. Cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão em Nova Serrana, Conceição do Pará e Perdigão.


Agência do Sicoob que foi alvo de assalto em bairro de Divinópolis (Foto: Aline Fonseca/G1)

Tem objetivo de combater crimes de roubo a bancos. Segundo informações do MPMG, já foram apreendidos itens como armas de fogo, munições, veículos clonados, dinheiro, placas balísticas, coldre, luvas, coletes e cabo de aço para a remoção de cofres, entre outros objetos utilizados para a prática dos roubos.


"O nome da operação faz referência ao número de identificação das agências bancárias do Sicoob".

Durante a investigação foram adotadas medidas preventivas para evitar dois roubos na cidade de Quartel-Geral. A ação contou com a participação de um promotor de Justiça, seis agentes do Gaeco, dois servidores do MPMG e 41 policiais militares, com empenhos de 16 viaturas.


Equipes da Polícia Militar e da Polícia Civil em frente à agência atacada em Perdigão (Foto: TV Integração/Reprodução)

Com informações do "G1"

102 visualizações0 comentário