top of page
Buscar
  • Foto do escritorRicardo Welbert

'Predador sexual' é preso por estupros em Pará de Minas

Suspeito tentou fugir de policiais e família tentou ajudar a fugir da UPA; adolescente se diz 'namorada'


Várias equipes policiais atuaram na prisão (Foto: PM/Divulgação)

Um homem de 33 anos e que é classificado pelas polícias Civil e Militar como um "predador sexual" foi preso nesta segunda-feira (10) em Pará de Minas, suspeito de envolvimento em vários casos de estupro. Ele já tinha sido preso pelo mesmo crime em janeiro deste ano no município de Petrópolis (RJ).



O serviço de inteligência da Polícia Militar conseguiu imagens de câmeras que ficam próximas de locais onde os crimes ocorreram. O homem foi identificado. Os policiais descobriram também qual era ao veículo que ele usava.


O suspeito era monitorado há cerca de um mês pelas polícias Civil e Militar. Ele foi abordado depois de os policiais serem informados de que ele estava na BR-262, em Pará de Minas.


Foi montado um cerco e, no ato da abordagem, ele desceu do caminhão bastante nervoso, perguntando o que estava acontecendo. Como já era do conhecimento da investigação que ele tem um histórico de violência contra policiais - inclusive, em situação passada ele tentou tomar a arma de um policial em Pequi -, desta vez os policiais foram preparados. Ele reagiu e tentado chutar e esmurrar os policiais.


Adolescente 'namorada'


Junto com o criminoso estava uma adolescente de 17 anos, de São Gonçalo do Pará. Ela disse aos militares que era a namorada dele. O relacionamento teria cerca de dois anos, ainda segundo a adolescente.


A polícia fez contato com os pais da menina, que moram em São Gonçalo do Pará. Pediu que fossem buscá-la.


Tentativa de fuga de UPA


Por causa da abordagem e por ter reagido, o suspeito sofreu algumas escoriações e foi levado pela PM à UPA. Familiares do suspeito souberam disso e foram ao local. Segundo a polícia, eles tentaram ajudar o suspeito a fugir e foi necessária outra ação dos militares, que retiraram os familiares dele do local e impediram a fuga.


O suspeito recebeu atendimento médico e depois foi encaminhado à delegacia da Polícia Civil. A PM informou que ele foi preso em janeiro deste ano pelo mesmo crime no estado do Rio de Janeiro.


Havia um mandado de prisão preventiva contra ele, que tem um histórico de "predação sexual" em outro Estado e uma condenação que cumpriu uma pena de cinco meses. Segundo a PM, ele tem endereços em Pará de Minas, São Gonçalo do Pará e Divinópolis.



Ainda segundo a PM, é difícil saber ao certo quantas vítimas esse homem fez, pois abuso sexual é um crime que causa constrangimento na vítimas. A polícia acredita, porém, que, com a prisão do bandido, outras vítimas tenham coragem para comparecer e relatar a versão. "Isso será muito importante para aumentar o período dele preso", pontua.


Com informações do "G1"



Comments


bottom of page